Revistas digitais versus revistas impressas

Há algum tempo eu venho pesquisando sobre os dois métodos de adquirir revistas de ponto cruz: impressas e digitais. Há de se convir que ambas tem suas vantagens e desvantagens. Então, neste post, você poderá ver qual a melhor forma para você comprar tanto edições individuais quanto assinaturas.

Os valores e as cotações são consideradas das revistas mais populares na Inglaterra e com valores em Libras, de acordo com a cotação de 14 de dezembro de 2013.

Comecemos pela versão digital.

Versão digital

Vantagens:

  1. A primeira, sem dúvida, é o preço. É praticamente três vezes mais barata que a impressa. Um exemplo aqui é a CrossStitcher Magazine, onde na plataforma Zinio foi cotada a assinatura anual, com 13 edições por R$93,39 (R$7,18 por edição) e edições avulsas por R$11,66. Ao comprá-la, as plataformas aceitas são: Windows8, PC/Mac, Android, Ipad e Rim.

O Zinio permite sincronia com qualquer dispositivo digital que você tenha, ou seja, você pode visualizar sua compra no seu computador, no seu tablet ou smartphone ao mesmo tempo.

  • Além da economia de dinheiro, há também a economia de espaço. Todas as edições ficam armazenadas na sua conta digital e o seu acesso é feito por login permitindo o download no leitor da plataforma que você escolher.
  • Impressões avulsas. Taí outra grande vantagem. Você pode criar um álbum personalizado com os gráficos impressos da página que você quiser e rabiscar o quanto quiser para se guiar na hora que estiver bordando. Dessa forma, você não ficaria com a consciência pesada de rabiscar a sua revista favorita.
  • Pode levar para qualquer lugar! Estando seu tablet consigo, é possível carregar centenas de edições na sua bolsa e ficar livre de espaço.

 

Desvantagens:

  1. Necessidade constante de acesso à internet e rede elétrica. Tudo bem que isso não é problema hoje para a maioria das pessoas hoje (eu acho), porém sem internet não será possível baixar as edições e sem luz, menos ainda. Porém o que consola, é que você pode imprimir né?
  2. Falta de compreensão… Pelo perfil de algumas pessoas, lidar com recursos digitais e seus componentes podem ser um grade desafio, maior que o de simplesmente folhear uma revista, ou simplesmente por questão de gosto mesmo. Vale lembrar que a tecnologia digital veio pra ficar e é muito importante transpôr certas barreiras para viver neste novo mundo que demanda de nós cada vez mais.
  3. Pelo fato de ser digital, facilita a pirataria. Há muitos blogs estrangeiros que publicam as edições antes mesmo delas chegarem nas bancas. Por serem disponibilizadas também em arquivo PDF, elas contam com recurso de visualização em ótima qualidade e basta 1 arquivo digital cair na rede que já era… Se espalha mais que folhas ao vento.
Links para comprar no Zinio ou AppleStore.

Versão impressa

 Revistas Impressas de Ponto Cruz

Vantagens

  1. Eu adoro cheiro de coisa nova, de papel novo… Já cheiraram livro? Pois é… Ter a versão impressa permite este tipo de prazer. Folhear devagarzinho vendo cada novidade.
  2. Kits extras. A maioria oferece kits extras como meadas, tecido, cartões… É realmente um grande fator.
  3. Excelente para colecionar. Quem borda como hobbie sabe que acaba se apegando muito a cada detalhe e ter as revistas impressas ajudam muito a construir seu espaço, ateliê, além de poder emprestar sempre que pode para alguma amiga.
  4. Ótimo item para presente. Já pensou em motivar alguém a bordar? Basta dar de presente uma revista. Além de que é algo que não exige limitação. Pode ser tanto para sua sobrinha de 7 anos quanto para sua avó de 70. Ah! E vale lembrar que meninos também bordam!

Desvantagens

  1. É caro! Enquanto a versão digital conta com o valor de R$93,39, a versão impressa da mesma revista custa, para nós brasileiros, R$329,69! Como eu costumava dizer em tempos de escola, “é uma bica!”.
  2. Nada vantajoso para o meio ambiente. É papel né gente?
  3. Ocupa espaço, amarela e pega poeira… Sem falar naquela sua sobrinha que pode pegar de você sem querer e brincar de recorte e cola.
Link para comprar edições impressas.

E aí? curtiu a ideia? Qual das duas faz seu estilo? Veja este post também para conferir as diferenças entre as revistas favoritas estrangeiras e como comprá-las!

Instagram